Acesso Rápido

DOIS JOVENS PORTUGUESES MORRERAM EM ACIDENTE DE VIAÇÃO PERTO DE PARIS

Dois jovens portugueses morreram num acidente de viação ocorrido no início da manhã de quarta-feira, entre as 6h00 e as 7h00 da manhã, em Tremblay-en-France, perto da capital francesa, informou a Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas.

Fonte daquele departamento governamental, que “lamenta as mortes”, revelou à Lusa que “as famílias destes cidadãos foram contactadas pelos serviços do Consulado Geral de Portugal em Paris, que apresentou condolências em nome do Estado português e acompanha este processo, prestando apoio consular às famílias”.

“Ainda hoje houve contactos entre os serviços consulares e a família, sendo que o Consulado tem procurado esclarecer as famílias sobre aspetos legais e acerca dos procedimentos a adotar no contacto com as autoridades francesas, nomeadamente em matérias forenses e na realização das trasladações para Portugal”, sublinhou ontem a Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas.

De acordo com o jornal Le Parisien, José Rodrigo Calado, de 17 anos, e Fábio Almeida, de 19 anos, circulavam num ‘scooter’ da rue de la Râperie, quando colidiram com um autocarro, numa ultrapassagem a outro veículo de transporte de passageiros.

O acidente aconteceu no trajeto de casa dos dois jovens para o trabalho, perto do aeroporto de Charles de Gaulle, a nordeste de Paris, não muito longe da prisão de Villepinte e da Francielienne.

O motorista do autocarro também teve de ser hospitalizado em estado de choque, mas os dois jovens, que moravam em Mitry-Mory, tiveram morte imediata e não puderam ser salvos apesar da chegada imediata dos bombeiros.

O Conselheiro municipal de Mitry-Mory Philippe Laloue (LR) estava emocionado. “Um dos dois jovens era muito amigo dos meus filhos. Ficou em nossa casa muitas vezes, sobretudo depois de ter perdido a mãe, há dois anos. Aliás ainda tinha roupa em nossa casa. Era quase como um terceiro filho para nós. Estamos muito afetados”.

/ LJ