Caixotes do lixo de Braga vão ser “controlados” por GPS

17

A AGERE, empresa municipal gestora dos resíduos de Braga, lançou uma plataforma web de monitorização da atividade de recolha de lixos e registo de incidentes para “aumentar a eficiência e qualidade” do serviço, anunciou hoje aquela entidade.

Em comunicado enviado às redações, a AGERE explica que a nova aplicação, a GarbaGere, “tem por base sistemas de localização espacial e tem como objetivo aumentar a eficiência e qualidade da recolha de resíduos, quer em contentores de lixo quer em papeleiras, monitorizando os tempos de recolha e garantindo que as operações de despejo são efetuadas em todos os contentores, inseridos em roteiros predefinidos”.

Assim, todos os contentores e papeleiras da cidade vão ser “previamente georreferenciados em sistema através da sua posição GPS e uma identificação única que posteriormente servirá para confirmar ‘in situ’ que os mesmos são efetivamente despejados”.

A GarbaGere vai registar automaticamente “sempre que os recipientes são despejados”, permitindo “a gestão diária de cada uma das atividades/roteiros gerando diferentes tipos de reports”.

Além daquelas funcionalidades, a aplicação agora lançada permite aos utilizadores, “com grande facilidade, registar anomalias nos equipamentos de recolha de resíduos bem como os mais diversos eventos identificados na via pública que devam ser reportados às autoridades competentes”.

Comentários estão fechados.