Acesso Rápido

Porto e Norte investem 15 milhões na promoção turística

37

O presidente da Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte disse hoje haver 15 milhões de euros para promover a região em 2017, anunciando que se vai manter o apoio aos grandes eventos desportivos.

Melchior Moreira relacionou o crescimento do turismo na região, que se tem verificado nos últimos anos, também com a aposta na promoção dos grandes eventos desportivos internacionais realizados no norte do país, destacando o Rali de Portugal.

Falando em Baião, onde hoje participou na apresentação de uma prova a contar para o Mundial de Formula 2 em Motonáutica, marcada para 8 e 9 de outubro, também apoiada por aquela entidade, o presidente do Porto e Norte de Portugal disse que os números recentes provam, nomeadamente de dormidas, que vale a pena apoiar as grandes competições que atraem muitos turistas e promovem o território internacionalmente.

A propósito, recordou, que em julho o número de dormidas no norte do país cresceu 13,6%, o que representou o maior crescimento em Portugal Continental, tendência que também se verificou no primeiros sete meses do ano. Também os proveitos subiram cerca de 24%.

Além do Rali de Portugal, que regressou ao norte do país em 2015, como ao apoio da entidade regional de turismo e de 13 autarquias, incluindo Baião, Melchior Moreira sublinhou o apoio prestado ao Mundial de Turismo (WTCC), em Vila Real, o Mundial de Ralicross, em Montalegre.

Para 2017, prometeu, haverá novidades, frisando que a estratégia aponta também no sentido de continuar a descentralizar os apoios de grandes eventos para o conjunto de todo o território, não se focando apenas na cidade do Porto.

Aproveitando a presença em Baião, apontou aquele concelho do interior do distrito do Poto como um bom exemplo de promoção turística através da realização de eventos desportivos, culturais e gastronómicos que têm dinamizado a economia local.

O facto de Baião ser o concelho da região com maior oferta hoteleira é, segundo a autarquia local, o sinal de que tem valido a pena a aposta no turismo, em especial a promoção nacional e internacional do território, destacando-se o Rali de Portugal.

Fonte/BD

Comentários estão fechados.